Etiquetas

, , ,

Cas Lowood herdou uma vocação incomum: ele caça e mata os mortos. Seu pai fazia o mesmo antes dele, até ser barbaramente assassinado por um dos fantasmas que perseguia. Agora, armado com o misterioso punhal de seu pai, Cas viaja pelo país com sua mãe bruxa e seu gato farejador de espíritos. Juntos eles vão atrás de lendas e folclores locais, tentando rastrear os sanguinários fantasmas — e afastar distrações, como amigos e o futuro.
Quando eles chegam a uma nova cidade em busca do fantasma que os habitantes locais chamam de Anna Vestida de Sangue, Cas espera o de sempre: perseguir, caçar, matar. Mas o que ele encontra é uma garota envolta em maldições e fúria, um espírito fascinante, como ele nunca viu. Ela ainda usa o vestido com que estava no dia em que foi brutalmente assassinada, em 1958: branco, manchado de vermelho e pingando sangue. Desde então, Anna matou todas as pessoas que ousaram entrar na casa vitoriana que ela habita. Mas, por alguma razão, ela poupou a vida de Cas.
Agora ele precisa desvendar diversos mistérios, entre eles: Por que Anna é tão diferente de todos os outros fantasmas que Cas já perseguiu? E o que o faz arriscar a própria vida para tentar falar com ela novamente?

Mais um livro para marcar na minha lista de lidos!

Anna vestida de Sangue me surpreendeu. Gostei do livro desde que li a sinopse e não errei.

Vamos a resenha Theseus Cassio Lowood, mas vulgarmente conhecido como Cas, é um caça-fantasmas. Ele simplesmente odeia que o chame assim, mas na real, é, o que ele é, um caçador de fantasmas.

Ele herdou a responsabilidade do pai, que foi morto brutalmente por um fantasma. É, aqui os fantasmas matam mesmo, ou te dando um susto, ou te empurrando da ponte. Cas os observa, e elimina com uma arma antiga arma passada de geração, a geração, o Athame.

Enquanto lia me lembrei muito da série “Sobrenatural”, mas foi só uma lembrança, pois o Cas trabalha praticamente sozinho, é filho único, conta com o apoio de sua mãe, uma bruxa Wicca das boas, e do gato farejador de espirito, o Tybalt. Gostei demais do gato.

Claro, Cas, tenta levar sua vida o mais normalmente possível, no entanto, isso fica complicado. Imagine ter de fazer suas tarefas, e planejar o fim de um fantasma muito poderoso? Essa é a vida de Cas. Óbvio, que ele se prepara secretamente para enfrentar o fantasma que matou seu pai.

As coisas mudam um pouco quando ele recebe uma dica. Ele assim como seu pai tem uma rede de pessoas, que rastreiam aparições de fantasmas. Esse veio do Canada, onde uma casa é assombrada por um terrível fantasma. A cidade chama-se Thunder Bay, e ela lá que o espirito de Anna Vestida de Sangue está.

Ela é um espirito vingativo, perigoso, que mata todos os que ousam entrar na sua casa. A cidadezinha é pequena e Cas começa a investigar sobre Anna, enquanto isso ele estuda, logo no primeiro dia de aula ele conhece Carmel Jones, como não podia deixar de ser , a garota mais bonita da escola. Segundo Cas, essas meninas têm algum poder, contatos, sabem da maioria das histórias da cidade.

Na verdade, a cidade inteira conhece a história de Anna, enturmado, ou quase, Cas vai para uma festa com Carmel, e outros dois jovens do grupo que rodeia a Carmel. Nessa de fantasmas eles terminam por ir à casa de Anna e as coisas saem do controle.

Anna aparece e reage de forma previsível, e inesperada ao poupa a vida de Cas. Daí em diante essa caçada só vai se complicar, pois Anna não é um fantasma como os outros, ela é muito forte e poderosa, a casa é parte dela e esse conjunto de forças vai desafiar tudo que Cas sabe sobre fantasmas.

O livro é narrado em primeira pessoa, mas é bem fluido, li o livro em três dias, mas fiquei um pouco triste com o final e o modo que algumas coisas se desenrolaram, faltou aquela finalizada mais sutil. No entanto, a autora deixou o gancho para a continuação, amei isso! Descobri essa semana que ele já foi lançado, com o título, Girl of Nightmares, espero que chegue logo ao Brasil.

Minha nota? Quatro beijos mordidos!

Advertisements