Alma e Sangue #6 – Notas #13

01/08/2016

13921016_1240072172683573_3930162703318964531_nEla ruborizou e começou a andar pela sala nervosa. Sua voz soava baixinho, mas Kara a ouvia bem e suas profecias.
– Jan Kmam vai ocupar o lugar do rei… Ariel…Ele precisa começar a busca. – ela começou a falar nervosamente.
– Sabe onde Isobel está? – Kara a pressionava levemente.
– Não. – disse segura e exasperada. Fitou a vampira e subitamente sentiu ciúmes. – Mas ele sabe, Ariel sabe, mas ele precisa ficar bom primeiro. Ele precisa encontrá-la e se unir a ela. – disse baixinho como se lamentasse tal destino.
– Nos duas temos um amigo em comum. – disse Kara tocando seu rosto com delicadeza, Radamés. Sei que fala com ele. – afirmou percebendo sua surpresa.
– Ele está me enlouquecendo. – rugiu muito aborrecida. – Peça que me deixe em paz.
Argumentou Sophie tocando a cabeça. Afastou-se de Kara e foi para a mesinha onde sua bolsa estava. Estava de costas para a vampira agora. Movia as mãos de forma rítmica. E quando deslizou as cartas sobre a mesa de tampo polido pareceu ficar mais calma. Deslizava a mão sobre elas e quando as tirou montando uma figura parecia quase em transe.

Alma e Sangue #6 – Notas #12

0579c03befd83d8ea5cb3945d27d3273Eu não parei de escrever. Só tive menos tempo. O mês de julho pareceu ter mil dias. Felizmente se foi, já foi tarde. As atualizações vão voltar. O livro caminha e depressa, e logo estará correndo. Obrigada pela companhia.

Alma e Sangue #6 – Notas #11

15/06/2016
13450081_1207832362574221_6152917543091992106_nNo terceiro capitulo revelações e um desfecho inesperado.

“As câmeras de segurança saíram do ar. Sophie aceitou o abraço de Kara, que a envolveu com carinho e mordeu seu pescoço. Procurou acalmá-la usando seus poderes, mas ela parecia imune a eles. Lutou um pouco, mas a conteve sem esforço. Não tomou muito, precisava de quase nada. Mas ela capitulou em seus braços. A segurou com carinho. Preciosa boneca de porcelana era o que parecia. Kara se afastou e cortou o pulso e levou aos seus lábios.
– Beba, depressa. – a vampira a incentivou”.

Alma e Sangue #6 – Notas #9

11/06/2016

13407339_1205355216155269_3099533164273825492_nCada livro é um desafio, um caminho para seguir sozinha, carregando consigo somente o que importa. Ao longo do caminho vou deixar papel picado, gosto de rasgar meus rascunhos.

Canetas vazias, músicas que ouvi até cansar. Um calendário com todos os dias riscados.
Passe Sr.Tempo, eu não me importo, sou imortal, mesmo quando meu corpo morrer ainda existirei.

O rei está incomunicável. Jan Kmam foi convocado, Kara em alerta e Sophie disposta a dar cada gota de seu sangue para trazer o rei de volta a lucidez.
Quem é a rainha dos Vampiros?

Alma e Sangue #6 – Nota #6

25/05/2015
13254511_1194584747232316_4346914097078386037_nSophie tem uma missão, revelar a verdade ao rei dos vampiros, Ariel Simon.

O tempo está se esgotando, ela sabe e sente que Ariel esta em grande perigo. Mas para salvá-lo precisa passar por um esquadrão de amigos bem intencionados.

Ela precisa convencê-los de que pode salvar o rei. Infelizmente ela falar sozinha, tem uma aparência discutível e seus dons fazem dela uma criaturinha sombria e delicada.

Togo a acredita perigosa, Romano percebe seus dons e a teme de imediato. A única que percebe sua inocência e boa vontade é Kara, a campeã do rei. No entanto, sob os cabelos escuros, debaixo da aparência frágil e pálida existe um grande poder adormecido. A pergunta que fica é, quem é Sophie?

Alma e Sangue #6 – Nota #4

16/05/2016
13233153_1188949714462486_8437157988904153536_nOntem quase consegui por ordem na casa. Faltou pouco. As minhas anotações tem vários capítulos e colocá-los em ordem agora seria impossível. Vou deixar a história fluir e os utilizar de acordo com a necessidade.

O prólogo está totalmente digitado. Mas não finalizado, até o final do livro ele pode mudar. Com menos ou mais informações. No entanto, gostei do resultado final.

O primeiro capítulo apareceu e me deixou muito surpresa com o rumo da história. Mas vamos falar um pouco do prólogo. Ele têm início com uma jovem mulher mortal chegando aos portões do Château Coucher du Soleil. Ela teria sido ignorada, se não houvesse dito o nome do rei. Ela teria tido suas lembranças apagadas se não houvesse exibido uma joia que pertence à rainha dos vampiros.

É as coisas estão realmente complicadas.