guerra_dos_fae-vol-2Não sou mãe, não sei se serei. Maternidade é um compromisso sério, que exige dedicação total. Mas hoje eu pensei em ser mãe, ter um filho, ou filha e poder entregar nas mãos dele, ou dela esses quatro livros e dizer: leia você vai adorar.

Raros livros me fizeram pensar, desejar ser mãe. Entre eles o Senhor dos Anéis, Harry Potter e alguns outros poucos.

A série A guerra dos Fae : chamado às armas  da Elle Casey me trouxe essa vontade. Terminei o segundo volume da série e houve momentos que recolhi uma lágrima aqui no canto do olho. A Jayne e o Tony são os culpados!

O primeiro livro foi uma mistura equilibrada de aventura e fantasia. Não é um livro bobinho, Jayne é um pouco desbocada, durona, mas tem um coração de ouro e faz muitos sacrifícios pelos amigos. Dentro da floresta passando por vários testes a turma do Jared se provou ser capaz de receber o dom da escolha, ficar ou partir. No final do livro meu coração ficou apertado. Tony pegou todo mundo de surpresa e mudou o rumo da história.

Felizmente tenho comigo os quarto livros da série e não vou literalmente infartar. Ontem à noite quando terminei o segundo livro e fiquei em choque. Peguei o livro três, A Guerra dos Fae, Luz e Trevas, e já comecei a leitura.

A Elle Casey sabe manter o suspense e quase nos matar do coração com seus finais.

O Chamado as Armas é literalmente as crianças trocadas descobrindo do que são capazes. Recebendo seus dons e descobrindo um mundo novo. Imagine receber poderes incríveis e ainda contar com a ajuda de professores para desenvolvê-los? Maravilha. O que me fisgou foi isso, eu queria ser uma criança trocada. Ops! Ah! Queria mesmo. O complexo dos Fae é cheio de portas mágicas e todas se abrem para onde seu coração quer ir. Imagina que loucura!

Jayne e seus amigos estão naquela fase de adaptação e confesso gostei da aventura do livro um, mas adorei o livro dois. O complexo, as aulas, os testes. E ver Jayne transformar um esquadrão de valentes guerreiros em bebês. É, ela é cheia de surpresas, e o melhor não sabe do que é capaz. Simples, corajosa, alegre e sincera essa garota de boca suja nos faz ri e chorar nesse livro.

As crianças trocadas precisam aprender a usar seus dons para lutarem. Uma guerra está a caminho e o inimigo são os Fae das trevas. Chase, Spike, Finn, Tim, Becky todos mudaram e começam a se adaptar a nova vida. Jayne sente que Tony está em perigo e vai fazer de tudo para ajudá-lo a encontrar seu caminho. Mas isso vai demandar um esforço conjunto. A turma do Jared terá de se unir e vencer um fae das trevas. A turma cresceu, Jayne tem um novo amigo chamado Tim, um pixie, um Fae da Luz, uma criaturinha pequena e poderosa. Engraçado, corajoso. Ele vai arrancar boas risadas de vocês. Tim me conquistou, ele é uma versão masculina de uma fada. Se ele ouvisse isso me colocaria a nocaute. Mas adoraria tê-lo escondido em meus cabelos. Risos.

A aventura aqui é adaptação, conhecer seu inimigo, salvar um amigo e manter o coração puro. Como disse o último capitulo é tenso, mas o desfecho é original.

Aviso: tenha o livro três à mão, assim você vai poder sobreviver a última página do livro dois!

Minha nota? 4 Beijos mordidos!

Anúncios