Etiquetas

, , , ,

 

the-mistO Nevoeiro – Stephen King

Pequeno e forte, o conto foi publicado em 1980 na coletânea de contos  Dark Forces. Tudo começa com uma tempestade se abatendo sobre a pequena cidade de Long Lake, no Maine. A tempestade cai sobre a cidade de forma violenta e faz muitos estragos. O modo como ela se abateu sobre o mar, e a cidade foi estranha, os raios, a sua intensidade gerou desconfiança em David, que é casado com Steffy e tem um filho chamado Billy.

Pela manhã os moradores se deparam com destruição e só resta calcular os prejuízos. King tem um jeito direto e ao mesmo tempo lento de descrever certos personagens como o vizinho de David, um homem de modos secos e quase militares. O típico eu sei de tudo.

David resolve ir ao mercado comprar suprimentos e leva Billy consigo, Steffy prefere ficar e conferir os estragos no jardim. Nesse momento você começa a imaginar, que algo vai aparecer e perseguir ela por toda a casa. Que eles não vão mais se ver, é uma despedida, ela vai mudar de ideia. A leitura te deixa tenso e isso é ótimo, a cabeça fervilha de expectativa e suspeitas.

Eles vão para o mercado e parece que toda a cidade resolveu fazer o mesmo diante dos estragos que cada um sofreu após a tempestade. Mais uma vez vemos aqueles tipos tradicionais de nossa sociedade, a turba dos caipiras, os jovens, os militares, as donas de casa, o casal de idosos, os funcionários do mercado. A tensão vai crescendo eles estão sem eletricidade, como consequência, não tem ar condicionado, a fila dos caixas é enorme e as compras estão sendo calculadas item a item numa calculadora.

o-nevoeiro-2007-05 É um daqueles típicos mercados americanos, que tem de tudo e tenta reagir com naturalidade mesmo que ocorra uma guerra lá fora. As coisas começam a acontecer quando o alarme de incêndio da cidade soa. Dai em diante as coisas começam a sair da ordem, da pra sentir em cada novo acontecimento a chegada do medo. Ele veio junto com o nevoeiro, que cobre a cidade, o estacionamento do mercado, os carros desaparecem. O mundo de repente some, eles estão isolados dentro do mercado. O silêncio e alguns gritos esporádicos são aterradores.

mist-3-1024x547

Quando ocorre o incidente na área de estocagem, o leitor percebe que as coisas vão piorar muito e começa a fazer suas apostas. Quem vai viver? Quem vai morrer?  Entre a incredulidade e o medo, as pessoas começam a perceber que lá fora está à morte, o desconhecido. Sua melhor chance é ficar dentro da frágil proteção do mercado com suas janelas de vidro.

As explosões de humor começaram a eclodir no ambiente. Um certinho, a fanática religiosa, o herói, os covardes, o casal de idosos.  Os monstros finalmente aparecem e são nojentos, perigosos, mortais, mesmo quando mortos. As baixas são muitas e o clima fica cada vez mais tenso.

the_mist2007c11

O final do conto é totalmente imprevisível. Eu perguntei-me se teria suportado tanta tensão.

 Imagens do filme o Nevoeiro.

Minha nota? Cinco beijos mordidos!

Minha nota:

vampire-mouth-illustration-lips-blood-white-background-33140303vampire-mouth-illustration-lips-blood-white-background-33140303vampire-mouth-illustration-lips-blood-white-background-33140303vampire-mouth-illustration-lips-blood-white-background-33140303

Anúncios