Sempre gostei de história, os livros que li sobre fatos do passado, e de um passado recente me ensinaram a ficar, de certo modo, mais atenta a certos comportamentos.

Como disse George Orwell, a história é escrita pelos vencedores. Mas a história pode ser contestada, alterada por nós, que estamos aqui a construindo todos os dias. Sempre detestei política e políticos. Tentei ao máximo me manter distante, mas chega um momento em que não se posicionar é estar em cima do muro, ou apoiar os opressores.

Sou contra todo e qualquer regime, que tente usurpar direitos, fazer lavagem cerebral, adotar regimes políticos castradores, ultrapassados, truculentos e nocivos ao crescimento da nação, do povo.

Sou obrigada a votar dentro de uma democracia. Daí já começa o erro, sou obrigada a escolher qualquer um para manter um sistema já corrupto e opressor. Sempre fui contra o PT, são 13 anos votando contra eles, e a tudo que eles representam. Massificação de condutas comunistas, autoritárias, silenciosas e predatórias, desrespeito a propriedade privada. Favorecimento de uma minoria, que no passado se dizia povo.

O problema é que a maioria elegeu pessoas incapazes de governar, de falar em público, de representar nosso país como uma nação a ser respeitada. E tem vergonha de admitir e continua defendendo a quadrilha e todos os que a eles estão aliados contra nós, o povo.

Bêbado, Xucro, mal-educado, maléfico, comunista, corrupto, dilapidador do patrimônio do Brasil, assassino, e só Deus sabe mais o que.

curriculo-dilma2Não bastou, e repetiram o erro elegendo uma criminosa fichada, assaltante. Alguém sem o mínimo preparo para ocupar o cargo, que conseguiu por meio de fraude eletrônica. Alguém que só nos envergonha diante do mundo com seus discursos caóticos, com uma postura até mesmo difícil de denominar tamanho o nível de sua ignorância para uma dirigente de nação.

Eleger um presidente é como comprar um sapato, se não ficar bom você joga no armário, ou pode trocar. Podemos trocar o sapato, alias podemos jogá-lo no lixo. Afinal, vermelho está muito fora de moda.

Por que provas são apresentadas e não são levadas a sério? Por que os culpados não são afastados dos cargos? Por que não tem seus bens confiscados, por que a cadeia só serve para os pobres?

divulgao-clssicosEles são intocáveis? Precisamos de um Eliot Ness? Bem, ele pode ser Sérgio Moro.

alx_brasil-juiz-sergio-moro-20141205-002_originalOlhar o passado nos ensina a construir o futuro. O Brasil, não aprendeu a lição e em 2018 corremos o risco de ver a quadrilha continuar sua dominação.

O povo precisa estar livre dessa ótica inocente, da corrupção pequena e grande, que a faz tolerar candidatos que só defendem seus interesses, roubando e enriquecendo, criando patrimônio à custa de sua ignorância política.

Livre das teorias da conspiração de que existem “monstros” que estão desestabilizando o seu governo de merda, corrupto e predatório. Eles mesmos deram o tiro no pé.

Você acredita em Papai Noel? Bem, se acredita, rasgue seu titulo de eleitor e não vote, vá para Cuba, lá eles acreditam em papai Noel. Porque se você ficar, e votar nos vermelhos pode acabar com um país que tinha tudo para ser uma nação rica e digna de ser chamada de Brasil.

ZiUtrnht_400x400Melhor ser cego do que continuar fingindo, que seus ideais não foram estuprados por pessoas sem nenhuma moral, ou ética, que estão roubando você, eu, o seus filhos, e o nosso futuro.

Vamos tirar os óculos com lentes cor de rosa e sair dessa letargia e perceber que estamos reféns de uma quadrilha.

Se não gostou do post, da minha opinião, se votou neles, e acredita neles, não perca seu tempo vindo aqui e defender a quadrilha que vem governando nosso país. Apenas me exclua da sua lista de amigos. Não dá para fingir que nada está acontecendo, ficar em cima do muro ou defender ladrões.

 

Anúncios