Etiquetas

, ,

a1fc97922c534df4caf6291f9c8e953d

Adam Smith pai do liberalismo econômico.

Primeiro vamos entender o que é liberalismo.

Uma doutrina político-econômica que tem respeito a liberdade cívica, econômica e da consciência dos cidadãos. Ou seja, favorece o direito a discordância dos credos ortodoxos estabelecidos seja por política ou religião. Teve origem durante a era do Iluminismo, e é oposto ao socialismo e o comunismo.

Fernando Pessoa disse melhor – “O liberalismo é a doutrina que mantém que o indivíduo tem o direito de pensar o que quiser, de exprimir o que pensa como quiser, e de pôr em prática o que pensa como quiser, desde que essa expressão ou essa prática não infrinja diretamente a igual liberdade de qualquer outro indivíduo.”

Nós os liberais acreditamos que para ficar rico, é necessário trabalhar. Nós não acreditamos que o estado deva nos sustentar. O trabalho dignifica, incentiva, e gera renda limpa e sustentável dentro de uma sociedade consciente de que não se pode viver de esmola estatal. O estado deve ser apenas um regulador, um incentivador, que veja o cidadão como alguém capaz de gerar lucro para si, para a sociedade. Numa sociedade onde o trabalho, o esforço, é recompensado e visto como dignificante, não como algo vergonhoso. Viver de benécia social, sim, é vergonhoso.

Acredite, o Brasil não é um país rico, mas pode ser. Estávamos no caminho, mas infelizmente surgiram barreiras. Que podem ser derrubadas para que continuemos nossa jornada rumo a um caminho livre da mão pesada do estado burocrático, paternalista, que infelizmente exerce uma alienação feroz sobre o cidadão.

Para pensar: Se você acha que o estado não controla sua vida tente comprar um pão. Você vera que o estado te obriga a comprar o seu pão de cada dia no quilo e não por unidade. Você já parou para pensar por que as tomadas mudaram?

Porque o estado assim quer. Mas por que num regime dito democrático, somos tão controlados? O liberalismo vai fazer muitos tirarem a venda negra, que os cegam para um controle silencioso e cruel, chamado estado.

Anúncios