Enquanto escrevia o sexto capítulo do conto O Salvador, das crônicas da Alma e Sangue, ouvi essa música e a achei bem parecida com a personagem Isadora. Quarta feira tem novo Episódio – A Escolha.

Tradução

A Última dança

Oh, meu doce sofrimento

não adianta lutar, você começa outra vez

Eu sou um ser sem importancia

Sem ele eu sou um pouco pertubada

Eu vago sozinha no metrô

Uma última dança

Para esquecer minha dor enorme

Eu quero fugir e tudo recomeça

Oh, meu doce sofrimento

Eu movo o céu, o dia, a noite

Eu danço com o vento, a chuva

Um pouco de amor, um toque de mel

E eu danço, danço, danço, danço, danço

E no barulho, eu corro e tenho medo

É minha vez?

Vem a dor

Em toda Paris, Eu me abandono

E eu voo, voo, voo, voo, voo

Só esperança

Neste caminho em sua ausência

Eu trabalhei duro

Mas sem você minha vida é só uma decoração

Que brilha sem sentido

Eu movo o céu, o dia, a noite

Eu danço com a chuva de vento

Um pouco de amor, um toque de mel

E eu danço, danço, danço, danço, danço

E no barulho, eu corro e tenho medo

É minha vez?

Vem a dor

Em toda Paris, Eu me abandono

E eu voo, voo, voo, voo, voo

Neste doce sofrimento

Paguei por todas as ofensas

Escuta como meu coração é imenso

Eu sou uma criança do mundo

Eu movo o céu, o dia, a noite

Eu danço com a chuva de vento

Um pouco de amor, um toque de mel

E eu danço, danço, danço, danço, danço

E no barulho, eu corro e tenho medo

É minha vez?

Vem a dor

Em toda Paris, Eu me abandono

E eu voo, voo, voo, voo, voo

Anúncios