Bem, é isso, fiz aniversário e não tenho medo da verdade. 39 anos de idade com aquele sentimento que graças a Deus chegou!O inferno astral existe, eu sinto esse maldito todos os anos. Aleluia!Passou e já foi tarde!

Esperei o dia virar e quase gritei de alivio, porque a barra foi pesada em todos os âmbitos. Estou recomeçando e me sinto livre, leve e solta, e não isso não é propaganda de absorvente. É só uma forma de dizer que valeu.

Não sou muito de festa, prefiro ficar na toca e comer meu bolo, uma fatia, refletir um pouco sobre o último ano. Já sei falar em público, escrevi cinco livros, tive minhas aventuras, amei, odiei, chorei e sorri e o importante é que emoções eu vivi.

Esperei o dia nascer com a certeza de que não ia virar cinzas. Na fase maluca gritei da janela de um carro: que se dane!Olha eu não recomendo, você pode engolir um inseto. Descobri que a opinião alheia sobre minha pessoa não me move, o sangue é que move o corpo.

Ao longo desses anos tive meus momentos. Já tomei um porre, fumei,dancei até praticamente cair, e prefiro vinho à cerveja. Ganhei e perdi amigos. Conheço a face dos meus inimigos,mesmo os invisíveis, e como todo mundo não sei se acredito nos Maias, o mundo não esta com cara de que vai acabar esse ano. Li Virginia Wolf e Simone de Beauvoir.

Não vivi tudo que preciso viver, mas algumas experiências valeram à pena. Nasci à uma hora da manhã e hoje se repete a mesma coisa. Carnaval, uma da manhã, é um sinal de que posso recomeçar, conseguir o que falta e deixar rolar.

No fundo o que importa é ser feliz, enquanto escrevo aqui estou comendo meu bolo, esse ano de chocolate, quis algo tradicional.

Estou solteira, não sei se quero me casar, a ideia jamais me seduziu. A ideia do namorado me seduz muito mais. É uma questão de praticidade e saber que o amor não precisa de cerca de contenção. O amor é uma droga legalizada com certidão. O único problema é que não tem data de validade. Ser mãe? Não. Ser mãe é algo realmente importante, eu sou muito tímida para isso.

O ano é do Dragão, da Lua e de Iemanjá, e hoje meu ano começa de uma vez por todas. Tomei decisões importantes, cortei o que não me serve mais e sinto os primeiros sintomas da transformação. Breve, muito breve serei uma linda loba.

Então beijos e lambidas.

Anúncios